Fachada UBS Antônio Sabino de Souza, no Imbiruçu (Betim, MG)
UBS Antônio Sabino de Souza – Imagem Reprodução/Street View

A gerente de uma Unidade Básica de Saúde (UBS), em Betim, está sendo investigada após denúncias de favorecimento em atendimentos médicos. Segundo reportagem publicada no Estado de Minas, ex-funcionários e servidores da UBS Antônio Sabino de Souza, no Imbiruçu, relataram supostas irregularidades na marcação de consultas e até mesmo na vacinação contra a Covid-19. A prefeitura informou que está ciente das denúncias e que foram abertas apurações na Ouvidoria e na Corregedoria.

Segundo os relatos, a servidora, que teria sido indicada ao cargo por um vereador, passa pessoas à frente na marcação de consultas que seriam indicadas por ele. “Várias vezes atendi pacientes que estavam no dia e horário que deveria ser de outras pessoas. Essa prática era comum”, denuncia um ex-funcionário da unidade.

Outro profissional relata que muitas consultas tinham que ser desmarcadas repentinamente. “Ela chegava com uma lista de pessoas que deveriam ter as consultas agendadas. Mesmo não tendo a vaga, ela pedia para colocar no lugar de outras pessoas e os recepcionistas tinham que ligar para esses pacientes e remarcar a consulta para outra semana”, afirma.

Por meio de nota, a prefeitura de Betim informou que uma auditoria assistencial está sendo aberta na Ouvidoria para investigar as denúncias de irregularidades nas marcações de consultas. E a Secretaria de Corregedoria está investigando as denúncias referentes às irregularidades na aplicação das vacinas.

VEJA TAMBÉM:

Nota da prefeitura:

“A Secretaria Municipal de Saúde já tem conhecimento das denúncias referentes à atuação da gerente da Unidade Básica de Saúde (UBS) Imbiruçu. Uma auditoria assistencial está sendo aberta na Ouvidoria para investigar as denúncias de irregularidades nas marcações de consultas. E a Secretaria de Corregedoria está investigando as denúncias referentes às irregularidades na aplicação das vacinas contra a covid-19. A Secretaria de Saúde aguarda o resultado das investigações para tomar as providências cabíveis.

A Prefeitura de Betim desde o início da Campanha de Vacinação contra a Covid-19 segue o Plano Nacional de Imunização. A vacinação, em todos os postos de imunização do município, incluindo as UBS, é realizada com os imunizantes disponíveis no momento. Os profissionais são orientados a não fazer reserva de qualquer que seja o fabricante. E não é permitido aos usuários escolher a vacina que receberão. Somente nos casos determinados pelo Ministério da Saúde o imunizante utilizado deve ser específico, como no caso das gestantes, que não podem receber a vacina da Astrazeneca, e dos adolescentes, cujo único imunizante autorizado pela Anvisa é o da Pfizer”.

 

Comunicar erro • Princípios editoriais 

Mais do Agenda Betim
CTPS Carteira de Trabalho

Seter faz seleção para mais de 280 vagas de trabalho em Betim

Processo seletivo será feito presencialmente, nesta terça-feira (20.fev), na sede da superintendência; Candidatos devem apresentar documento de identificação com foto, currículo atualizado e a carteira de trabalho (impressa ou digital).
Frame de vídeo de monitoramento na avenida Juiz Marco Túlio Isaac, em Betim

Previsão do tempo: chuva continua nos próximos dias em Betim

Somente no bairro Senhora de Fátima, na regional Alterosas, o acumulado de chuva neste sábado foi de 24mm. Inmet mantém alerta para chuvas intensas.
Centro Especializado contra a Dengue Betim

Betim vai abrir centro para tratamento de pacientes com dengue e chikungunya

O espaço será aberto ao lado do ambulatório cirúrgico no Hospital Regional, com 30 pontos para hidratação venosa e capacidade para realizar até 200 atendimentos por dia.
Ônibus do transporte público de Betim

Passagem de ônibus em Betim aumenta para R$ 5,95

Transporte público sofre aumento de R$ 0,35 (6,25%). Decreto de Medioli foi publicado na véspera do Carnaval e já está valendo.