Bandeira LGBT
(Imagem Marcello Camargo/Agência Brasil)

Para garantir maior alcance das políticas públicas, Betim lançou o 1º Plano Municipal de Políticas Públicas para a população LGBTQIA+, nesta sexta-feira (29), Dia Nacional da Visibilidade Trans no Brasil. O decreto municipal, assinado pelo prefeito Vittorio Medioli, ainda será publicado no Órgão Oficial do Município, e norteará as ações governamentais em defesa do público-alvo, nos próximos quatro anos.

Dentre as áreas que foram incluídas no documento, estão saúde, educação, assistência social, cultura, trabalho e geração de renda, segurança pública, esporte e lazer. De acordo com a presidente do Conselho LGBTI de Betim (COMLGBTI), Leônidas Ferraz, o Plano Municipal contém a regulamentação de intervenções multissecretariais sobre o tema da diversidade sexual, tão presente nos dias de hoje. “É uma proposta que surge em reação aos, cada vez mais preocupantes, dados estatísticos que tratam da população LGBTQIA+, incluindo o aumento de assassinatos e repressões”, aponta.

O vice-presidente do conselho, Nilvan Baeta, destaca que o documento, inédito em Betim, foi construído a partir da ideia de fazer um conselho atuante e que registra as suas propostas e responsabilidades, com intuito de dar visibilidade ao invisível. “É preciso mostrar quem somos capazes de construir políticas públicas com parceria, diálogo e conhecimento. Foram realizadas diversas pesquisas relacionadas à população LGBTQIA+, nos diversos aspectos. São poucos estados, cidades que possuem um plano como o que construímos”, ressalta.

Bandeira LGBT
(Imagem Marcello Camargo/Agência Brasil)

De acordo com o advogado Maícon Nepumuceno, membro do conselho, com a aprovação do plano, a população LGBTQIA+ saberá que a administração pública está sensível e parceira na luta diária pela valorização e respeito à diversidade. “Com o plano, temos o que podemos chamar de segurança jurídica, ou seja, os políticos devem sempre levar em consideração o que preceitua o documento.. E vamos estar caminhando, cada vez mais, próximos da tão sonhada regulamentação do conselho (LGBTQIA+) em lei”, adianta.

Para a secretária municipal de Governo, Bárbara Martins, Betim segue demonstrando o seu pioneirismo no cuidado e no acolhimento às demandas de sua população, sem preconceitos e com respeito à diversidade. “O plano foi elaborado com a participação das secretarias municipais e teve o parecer favorável do nosso governo. Para a nossa administração, lançar esse documento para que a população, LGBT ou não, possa consultar e se inteirar é um avanço da defesa dos direitos humanos e na ampliação do alcance de nossas políticas públicas para todos na Cidade do Bem”, acrescenta.

*Via Prefeitura Municipal

Compartilhe

 

Comunicar erroFale conoscoNewsletter

Mais do Agenda Betim
tucano é resgatado em Betim

Tucano preso em linha de pipa mobiliza os Bombeiros em Betim

A ave apresentava um ferimento em uma das asas, sendo encaminhada a um veterinário após o resgate
termômetro marca 10ºC

Betim pode ter mínima de até 5ºC nesta semana; veja a previsão do tempo

Os dias mais frios serão na quarta e quinta-feira (19), com mínimas de até 8ºC e 5ºC, respectivamente
Carteira de Trabalho

Veja as vagas de emprego abertas em Betim

As oportunidades são para diversas posições, como ajudantes de produção, mecânicos, vendedores, entre outras; Instituição de ensino também abriu vagas para curso de qualificação profissional
Mulher segura máscara

Uso de máscaras volta a ser obrigatório em escolas de Betim

Decreto publicado nesta quinta-feira (26) incluiu escolas nos ambientes em que o uso do equipamento não é opcional. Transporte público e unidades de saúde seguem com a obrigatoriedade
Conteúdo patrocinado: