Paciente em leito de internação (Imagem Marcello Casal Jr Agência Brasil)
Paciente em leito de internação (Imagem Arquivo/ Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Atualizado nesta quinta-feira (8), o boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde reportou nove mortes e 257 casos de covid-19 nas últimas 24 horas em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte. Com isso, o total de confirmações da doença chegou a 23.004, e o de mortes, a 720.

Entre os casos ativos, 875 pessoas estão em acompanhamento e outras 95 seguem internadas na rede municipal de saúde. Os casos recuperados somam 21.314.

De ontem para hoje foram feitas 499 notificações de casos de síndrome gripal, que de acordo com o Ministério da Saúde, são pessoas que apresentam quadro respiratório agudo, caracterizado por pelo menos dois sintomas, como febre, calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza, distúrbios olfativos ou gustativos. Estes casos entram no boletim como suspeitos de Covid-19.

Covid-19 em Betim (08/04/2021)

  • 101.753 notificações de síndrome gripal (+ 499 novos);
  • 33.161 casos descartados para o coronavírus;
  • 23.004 confirmações (21.314 recuperados, 875 em acompanhamento, 95 internados e 720 óbitos);

Ocupação

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, com dados de quarta-feira (7), 89% dos leitos de UTI estavam ocupados. Nos leitos de enfermaria, 98% estavam ocupados. A rede pública de saúde municipal possui 110 leitos de UTI e outros 90 de enfermaria, destinados aos pacientes com suspeita e confirmação de covid-19, atendendo Betim e outros 12 municípios da região.

VEJA MAIS: Ex-deputado estadual Pinduca segue internado no CTI do hospital Unimed

coronavirus
(Imagem CDC/Pexels)
Compartilhe

 

Comunicar erroFale conoscoNewsletter

Mais do Agenda Betim
vacina contra a covid-19

Vacina contra a Covid segue disponível nas unidades de saúde em Betim

Moradores que estão com doses em atraso podem atualizar o esquema vacinal das 9h às 17h
Marcelo Queiroga

Covid-19: ministro oficializa fim de emergência sanitária

O fim da emergência de saúde pública terá um prazo de transição de 30 dias, para adequação dos governos federal, estaduais e municipais, ou seja, a portaria passa a valer em 22 de maio
Vacina CoronaVac

Covid-19: Betim se aproxima de 900 mil doses de vacinas aplicadas

Mais de 77% dos moradores completaram o ciclo vacinal, de acordo com o ‘vacinômetro’ da Secretaria Municipal de Saúde
Marcelo Queiroga em entrevista coletiva no Ministério da Saúde

Ministro detalha motivos para decretar fim da emergência sanitária

O ministro garantiu que haverá um período de transição, e que mesmo com o fim da emergência sanitária “nenhuma política de saúde será interrompida”
Conteúdo patrocinado: