(Imagem Divulgação)

O Instituto Lado a Lado pela Vida (LAL) promove, nesta terça (29), às 20 horas, o webinar gratuito “As causas raras da Insuficiência Cardíaca”. A proposta é falar sobre a doença, ainda desconhecida por 62% da população brasileira, segundo pesquisa da Ipsos Healthcare. “O objetivo é debater com diversos especialistas as doenças do coração, assim como formas de prevenção, importância do diagnóstico precoce e da adesão ao tratamento”, revela Marlene Oliveira, presidente do LAL. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia estima-se que, ao final de 2020, quase 400 mil brasileiros morrerão por doenças cardiovasculares.

O webinar contará com abertura do cardiologista Roberto Kalil Filho, diretor geral do centro de cardiologia do hospital Sírio Libanês e presidente do Conselho Diretor do Incor – Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, e será moderado pela dra. Marina Bond, médica cardio-oncologista do A.C. Camargo Câncer Center. As inscrições podem ser feitas por meio do link: https://rvmais.iweventos.com.br/lal2020.

Iluminação do Cristo – O webinar faz parte da programação da campanha Siga seu Coração (www.sigaseucoracao.com.br), realizada pelo LAL durante todo o mês de setembro. Para marcar o encerramento, no dia 30 o monumento do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, receberá uma iluminação especial. O famoso ponto turístico, reconhecido mundialmente, ficará todo vermelho, cor que simboliza a campanha.

(Imagem Divulgação)

 

Comunicar erroFale conoscoNewsletter

Mais do Agenda Betim
Criança recebe vacina contra a Covid em Betim (MG)

Com baixa adesão, Betim amplia vacinação para todas as crianças de 3 anos

Antes disponível apenas para crianças com imunossupressão, imunizante está disponível em dez UBS da cidade
Fachada de Unidade Básica de Saúde em Betim (MG)

Betim centraliza aplicação da vacina BCG na UBS Cachoeira

Atendimento ocorrerá mediante agendamento realizado na UBS de referência das crianças
Fachada do Ministério da Saúde na Esplanada dos Ministérios

BH tem primeira morte relacionada à varíola dos macacos

Homem já tratava outras doenças, incluindo um câncer, informou o Ministério da Saúde
Vista aérea da região central de Betim (MG)

Betim confirma primeiro caso de varíola dos macacos

Confirmação ocorreu após exames feitos pela Secretaria de Estado de Saúde. Segundo a prefeitura, o caso foi em um adulto e que está clinicamente estável. Município investiga outros quatro casos suspeitos
Conteúdo patrocinado: