Também estamos nas redes

Faça sua busca

Minas Gerais

Detran-MG suspende emissão de documentos de veículos até dia 6 de janeiro

Durante o período de suspensão, o sistema de informática do Detran-MG passará por uma adequação para que seja feito o gerenciamento das informações da frota de veículos do estado

Em razão da transição para o modelo eletrônico do Certificado de Registro de Veículo (CRV-e) e da Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo eletrônica (ATPV-e), a Polícia Civil informou nesta segunda-feira (28), que o Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG) suspenderá, entre os dias 30 de dezembro e 6 de janeiro, a emissão de documentos para os serviços de registro de veículo zero, transferência de propriedade e alteração de dados de veículo. A previsão é que os serviços voltem a ser oferecidos normalmente na quinta-feira (7/1).

Durante o período de suspensão, o sistema de informática do Detran-MG passará por uma adequação para que seja feito o gerenciamento das informações da frota de veículos do estado, impossibilitando, temporariamente, a conclusão dos processos e emissão do documento após as vistorias. Os prazos para serviços de veículos que, porventura, vencerem durante a suspensão serão automaticamente prorrogados e não acarretarão prejuízos aos cidadãos.

O objetivo da nova Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo eletrônica (ATPV-e) é simplificar o processo na compra e venda dos automotores, por meio de itens de segurança mais modernos, como o QR-Code. A ATPV-e substitui a versão em papel moeda do antigo Certificado de Registro de Veículo (CRV), documento no qual o comprador e o vendedor declaram estar de acordo com a transferência da propriedade.

A ATPV-e poderá ser utilizada na versão eletrônica ou impressa em papel comum. Quando o proprietário vendedor e o comprador possuírem os requisitos necessários para assinatura eletrônica da ATPV-e, o preenchimento e a assinatura poderão ocorrer nos sistemas do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), órgão da União, ou dos Detrans, nos estados. Caso contrário, a opção será a versão impressa, devendo a ATPV-e ser assinada e conter o reconhecimento de firma do vendedor e do comprador por autenticação.

CRVs até então emitidos em papel moeda continuarão sendo válidos por tempo indeterminado. Portanto, quem possuir a antiga versão do documento não precisará realizar a solicitação de um novo Certificado de Registro de Veículo.

Informações via PCMG

Imagem com diversos carros e ônibus em uma avenida movimentada
(Imagem Marcello Casal Jr./Agência Brasil)
Comentários

+ lidas

Betim

O músico foi um dos fundadores do Clube do Choro de Betim e estava internado desde o início do mês em um hospital particular,...

Saúde

Foram registrados no boletim municipal nas últimas 24 horas, cinco óbitos e 52 casos da doença

Saúde

Unidade do Hospital Unimed-BH recebeu 300 doses da CoronaVac para imunizar os profissionais mais expostos à Covid-19

Betim

Droga estava escondida em pneus dentro de uma carreta. Motorista, que já tinha passagem por tráfico de drogas, foi preso

Saúde

Boletim municipal registrou nesta quinta-feira (21), cinco mortes e 247 novos casos

Educação

Alunos terão a oportunidade de concluir o ensino fundamental

Betim

O Inmet alerta para a baixa umidade, que pode ficar em 30% em determinados períodos do dia

Betim

Assim como na última semana, o calor e a baixa umidade devem prevalecer

Saúde

Com doses insuficientes para atender todos do grupo prioritário definido pelo Ministério da Saúde para a primeira fase de vacinação, a Prefeitura de Betim...

Publicidade