Também estamos nas redes sociais

Hi, what are you looking for?

Betim

Saiba o que pode funcionar na Onda Verde do ‘Minas Consciente’

Nesta semana, após uma decisão judicial, cidades da região metropolitana de Belo Horizonte, como Betim, Contagem, São Joaquim de Bicas, Igarapé, entre outras, aderiram ao programa do Governo de Minas para flexibilização da economia.

Na última quinta-feira (09), a Justiça determinou que as cidades que não faziam parte do programa estadual de flexibilização social só poderiam permitir o funcionamento dos serviços essenciais, ou então, para permitir a flexibilização, deveriam aderir ao Minas Consciente.

No entanto, a região central de Minas Gerais se encontra na Onda Verde, a mais rígida, em relação ao funcionamento do comércio em meio à pandemia da Covid-19.

Shoppings, feiras, salões de beleza, comércios de vestuário, acessórios e móveis, são alguns dos setores que não poderão funcionar durante a Onda Verde.

Pela Onda Verde, apenas setores considerados essenciais pelo Governo de Minas estão com funcionamento autorizado, entre eles:

  1. Agropecuária;
  2. Alimentos;
  3. Bancos e seguros;
  4. Cadeia produtiva e atividades acessórias essenciais;
  5. Construção civil e afins;
  6. Fábrica, energia, extração, produção, siderúrgica e afins;
  7. Saúde;
  8. Telecomunicação, comunicação e imprensa;
  9. Transporte, veículos e Correios;
  10. Tratamento de água, esgoto e resíduos;
Fases do programa Minas Consciente (Imagem Reprodução Governo de Minas)
Fases do programa Minas Consciente (Imagem Reprodução Governo de Minas)

A lista completa com todos os setores que podem funcionar durante a Onda Verde do ‘Minas Consciente’ está no site do Governo de Minas.

Links úteis para o site do Governo de Minas sobre o programa ‘Minas Consciente’

VEJA MAIS: Os setores da economia por onda do Minas Consciente (Link externo)

VEJA MAIS: Dúvidas frequentes do Minas Consciente (Link externo)

Comentários

Continue lendo

Grande BH

Foram registradas cinco mortes e 48 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com boletim da SES-MG

Grande BH

Dos 8.661 casos que foram confirmados desde o início da pandemia, 8.090 estão recuperados

Grande BH

Auxílio de R$ 50 substitui a merenda escolar para alunos de baixa renda da rede pública

Grande BH

Desde o início da pandemia, a cidade contabiliza 8,3 mil casos do coronavírus

Publicidade