Imagem de uma Carteira de Trabalho e uma pessoa preenchendo com uma caneta dados
(Imagem Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta terça-feira (16) pelo Ministério da Economia, mostram que, Betim criou 1.035 novas vagas de emprego formal no primeiro mês do ano, ou seja, as admissões com carteira assinada superaram as demissões. Foram 3.994 contratações e 2.959 desligamentos.

Entre fevereiro de 2020 e janeiro deste ano, o saldo do emprego formal ficou positivo em 3.587 vagas. Foram 36.888 admissões e 33.301 desligamentos. Em 2020, mesmo com a pandemia, o município teve o melhor resultado na geração de empregos dos últimos nove anos, fechando com 3.134 novos postos de trabalho.

No Brasil, o saldo é o melhor da série histórica para o mês de janeiro, com 260.353 empregos gerados, resultado de 1.527.083 admissões e 1.266.730 desligamentos. Todos os grupamentos de atividades econômicas apresentaram saldo positivo, com destaque para o setor da Indústria, com a geração de 90.431 novos postos de trabalho formais.

Imagem de uma Carteira de Trabalho e uma pessoa preenchendo com uma caneta dados
(Imagem Marcello Casal Jr./Agência Brasil)
Compartilhe

 

Comunicar erroFale conoscoNewsletter

Mais do Agenda Betim
Conta de energia Cemig

Sem taxa extra, conta de luz deve ficar 20% mais barata

Bandeira de escassez hídrica entrou em vigor em setembro de 2021 por causa do baixo nível dos reservatórios de água no país
Parque Industrial de Betim

Log lança novo parque industrial em Betim

Empreendimento localizado entre as rodovias BR-381 e BR-262 possui 6 milhões de metros quadrados e 160 lotes industriais; Vilma Alimentos, Belgo Bekaert e o Grupo Buzatto’s já atuam no local
Conteúdo patrocinado: