Também estamos nas redes

Faça sua busca

Brasil

Fiocruz detecta variantes do coronavírus em três regiões do país

A alta circulação de pessoas e o aumento da propagação do vírus Sars-CoV-2 tem favorecido o surgimento de ‘variantes de preocupação’ no Brasil, como é o caso da variante P1, identificada no Amazonas, diz Fundaç

Variantes do coronavírus Sars-CoV-2 foram detectadas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) como prevalentes em três regiões do país. Por meio de testagens com o novo protocolo de RT-PCR, desenvolvido pela Fiocruz Amazônia, foi descoberto que em 10 estados das regiões Sul, Sudeste e Nordeste a predominância é das variantes conhecidas, que podem ser a P1, identificada inicialmente no Amazonas, B.1.1.7, no Reino Unido, e B.1.351, na África do Sul.

Essas variantes são potencialmente mais transmissíveis e podem estar relacionadas aos aumentos vertiginosos de novos casos nos estados que fizeram parte da pesquisa da Fiocruz. “Dos oito estados avaliados neste recorte apenas dois não tiveram prevalência da mutação associada às variantes de preocupação superior a 50 %: caso de Minas Gerais, com 30,3% das amostras testadas como positivo para a mutação e, Alagoas, com 42,6%. Nos demais estados, mais de 50% das amostras foram identificadas com a mutação associada às ‘variantes de preocupação’”, informou a Fiocruz em comunicado técnico divulgado nesta quinta-feira (4) .

De acordo com a Fiocruz, a alta circulação de pessoas e o aumento da propagação do vírus Sars-CoV-2 tem favorecido o surgimento de ‘variantes de preocupação’ no Brasil, como é o caso da variante P1, identificada no Amazonas. O comunicado alerta para um cenário preocupante que alia o perfil potencialmente mais transmissível dessas variantes à ausência de medidas que possam ajudar a conter a propagação e circulação do vírus.

O comunicado destaca ainda como fundamental a adoção das medidas que possam reduzir a velocidade da propagação e o crescimento do número de casos, como a restrição da circulação e das atividades não essenciais e a implementação imediata de planos e campanhas de comunicação, o fortalecimento do sistema de saúde, e a necessidade de constituição de um pacto nacional para o enfrentamento da pandemia no país.

Por Agência Brasil

Apoiar o jornalismo local não custa nada.
Se esta matéria foi interessante para você, compartilhe em suas redes sociais.


Acompanhe as últimas notícias de Betim também pelas redes sociais
Instagram
Facebook


Quer sugerir uma reportagem? Entre em contato conosco.

Viu alguma informação incorreta ou erro ortográfico em nossos textos? Avise-nos.

Continue navegando. Tem mais conteúdo para você logo abaixo 😉

 

Você está na editoria: Brasil

Comentários

+ lidas

Saúde

Prefeito disse enfrentar dificuldades na aquisição de medicamentos para internação de pacientes, tendo estoque para cerca de dez dias, e a situação afeta o...

Cidade

Internado há duas semanas, Pinduca segue se recuperando após contrair a Covid-19

Cidade

Prefeitura segue determinações do Governo de Minas para diminuir a propagação do coronavírus

Cidade

Todas as 36 Unidades Básicas de Saúde do município estarão abertas nesta sexta-feira (9), das 10h às 18h, para vacinar pessoas com 67 anos

Saúde

A imunização será realizada nesta quarta-feira (14), das 7h às 18h, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da cidade

Saúde

Total de óbitos no município chegou a 738, de acordo com o balanço da Secretaria de Saúde. Foram registrados, também, 292 novos casos nesta...

Cultura

Projeto Semeando Cidadania, Saber & Cultura prevê atividades de arte-educação e valorização do patrimônio cultural. Nos próximos dois anos, pretende alcançar 2.900 pessoas com...

Saúde

Total de casos desde o início da pandemia chega a 23.004, e o de mortes a 720

Publicidade