Também estamos nas redes

Faça sua busca

Brasil

Covid-19: Brasil tem 126,6 mil mortes e 4,1 milhões de casos

Balanço da pasta da Saúde mostra recuperação de 317,22 mil pacientes

A atualização diária do Ministério da Saúde trouxe novos totais sobre a pandemia do novo coronavírus no Brasil. O número de mortes por covid-19 subiu para 126.650. Nas últimas 24 horas, foram registrados 447 novos óbitos em razão da covid-19. Ontem, o painel do ministério marcava 126.203 óbitos. Ainda há 2.475 falecimentos em investigação.

Balanço Covid-19 _ 06.09.2020
Balanço Covid-19 _ 06.09.2020 – Divulgação/Ministério da Saúde

De acordo com o balanço da pasta, desde o início da pandemia, 4.137.521 pessoas foram infectadas com o coronavírus. Entre ontem (5) e hoje (6), as secretarias de Saúde acrescentaram às estatísticas mais 14.521 pessoas diagnosticadas com a doença. Ontem o sistema de dados sobre a pandemia trazia 4.123.00 casos desde o início da crise sanitária.

O total de casos é menor aos domingos e nas segundas-feiras pelas limitações de alimentação de dados pelas equipes das secretarias de Saúde. Nas terças-feiras, o número tem sido usualmente maior com o envio dos dados acumulados do fim de semana.

Ainda de acordo com a atualização, 693.644 pessoas estão em acompanhamento e 3.317.227 pacientes já se recuperaram.

A letalidade (número de mortes dentro do conjunto de infectados) se manteve em 3,1%. A mortalidade (óbitos pela população) ficou em 60,3. Já a incidência (total de casos em relação à população) subiu para 1968,9.

Estados

Os estados com mais registros de morte pela covid-19 são São Paulo (31.353), Rio de Janeiro (16.568), Ceará (8.565), Pernambuco (7.702) e Pará (6.249). As unidades da Federação com menos vidas perdidas até o momento são Roraima (598), Acre (624), Amapá (672), Tocantins (748) e Mato Grosso do Sul (966).

Em número de casos, São Paulo também lidera (855.722), seguido de Bahia (271.225), Minas Gerais (234.804), Rio de Janeiro (232.818) e Ceará (222.372). A novidade é Minas Gerais, que passou a ser o terceiro entre os estados com mais casos, superando o Rio de Janeiro, que ficou durante meses nessa posição.

As unidades da Federação com menos pessoas infectadas são Acre (25.443), Amapá (44.770), Roraima (45.137), Mato Grosso do Sul (53.491) e Tocantins (55.513).


Apoiar o jornalismo local não custa nada.
Se esta matéria foi interessante para você, compartilhe em suas redes sociais.

Banner newsletter Agenda Betim

 


Quer sugerir uma reportagem? Entre em contato conosco.

Viu alguma informação incorreta ou erro ortográfico em nossos textos? Avise-nos.

Continue navegando. Tem mais conteúdo para você logo abaixo 😉

 

Comentários

+ lidas

Saúde

Pessoas de 59 anos, as que possuem deficiência permanente (independente da idade), com comorbidades (40 a 49 anos), motoristas do transporte de passageiros (vans,...

Cidade

O ônibus conta com uma câmera suspensa a 12 metros, com ângulo de 360º. Além disso, outras quatro câmeras estão instaladas na parte externa

Saúde

Cerca de 19 mil alunos deverão ser vacinados no município. Decisão de priorizar este público, antes das pessoas mais expostas ao coronavírus, não é...

Saúde

Nesta primeira etapa, a imunização será com os alunos da rede municipal de ensino dos 7º, 8º e 9º ano do ensino fundamental.

Grande BH

Cerca de 3,2 mil famílias em situação de vulnerabilidade social das cidades de Betim, Sarzedo e Ibirité serão beneficiadas

Cidade

Caso a decisão não seja cumprida, o município poderá pagar uma multa de R$ 500 por cada dose da vacina aplicada.

Mercado de Trabalho

Inscrições são feitas pela internet. Há vagas para auxiliar, ajudante, técnico de planejamento, eletricista, conferente, caseiro, entre outras

Saúde

Foram treze registros nas últimas 24 horas, de acordo com o balanço da Secretaria Municipal de Saúde. No mesmo período, 108 casos foram confirmados....

Publicidade